SAÚDE | Campanha nacional de vacinação contra o sarampo começa na próxima segunda | Grupos de risco têm prioridade

864

A partir da próxima segunda, 6 de agosto, e até o último dia do mês, as Unidades Básicas de Saúde (UBS) vão intensificar a oferta da vacinação gratuita contra o sarampo e a poliomielite. O foco principal são as crianças na faixa etária entre um e cinco anos. O dia de mobilização nacional – o chamado “Dia D” – está agendado para o sábado, 18 de agosto. O calendário de vacinação do Ministério da Saúde estabelece que a imunização contra o sarampo seja feita com duas doses da vacina. A primeira é aplicada aos 12 meses de vida (tríplice viral); e a segunda, aos 15 meses (tetraviral).

A vacinação vai ser feita, de forma indiscriminada, em crianças de um a cinco anos, mesmo aquelas que já receberam as duas doses poderão tomar uma terceira para assegurar sua proteção. Vale ressaltar, ainda, que o Ministério da Saúde disponibiliza duas doses da vacina contra o sarampo para todas as pessoas com até 29 anos de idade, e também uma dose única para pessoas na faixa etária entre 30 e 49 anos. Quem não recebeu alguma delas, basta ir à Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima e atualizar a caderneta de vacinação.

A vacina anti sarampo é contraindicada apenas para gestantes; pessoas com imunidade baixa causada por alguma doença ou medicação; crianças expostas ou infectadas pelo vírus HIV, causador da Aids; e pacientes com história de crise alérgica grave após aplicação da dose anterior. Na dúvida, a recomendação é conversar antes com um médico.