COMUNICADO | Boletim Epidemiológico sobre o coronavírus em Jataí

Texto: Nicolas Mardem
Arte: Gabriel Alves

341

A Prefeitura de Jataí através da sua Secretaria Municipal da Saúde, por meio do Núcleo de Vigilância Epidemiológica, comunica a população que está adotando todas as medidas necessárias para conter a disseminação do COVID-19 em Jataí e reforça a importância de que cada cidadão cumpra rigorosamente as orientações repassadas quanto às medidas de prevenção, tais como: higiene das mãos, isolamento social, não compartilhamento de utensílios, evitar aglomerações, bem como o cumprimento do Decreto Municipal 3.771, a fim de evitarmos a propagação do vírus em nossa cidade.

A Secretaria Municipal de Saúde, através do Núcleo de Vigilância Epidemiológica informa que em Jataí foram notificados 1180 casos suspeitos de Covid-19 até a presente data, destes, 638 foram confirmados, 484 descartados e 58 suspeitos, sendo que temos 03 pacientes internados que são residentes de outros municípios e 04 pacientes de Jataí estão internados em outros municípios, portanto, não entra na contabilização de leitos do município. Dos 638 casos confirmados, 298 evoluíram para cura e 09 óbitos foram confirmados pela doença.

A Secretaria Municipal da Saúde informa que estão sendo realizados testes rápidos para diagnóstico de Covid-19 em pacientes que enquadram nos grupos preconizados pelo Ministério da Saúde. Além disto, o município de Jataí adquiriu testes rápidos e está testando profissionais de saúde, o que contribui para o aumento significativo dos casos, pois em Jataí há transmissão comunitária.

O Boletim Epidemiológico da Covid-19 é elaborado com base nas notificações locais das Unidades de Saúde e a partir da informação dos sistemas do Ministério da Saúde (e-SUS VE e Sivep Gripe). Os dados são inseridos a nível nacional considerando o município de residência do paciente.

A Prefeitura de Jataí vem tomando todas as medidas epidemiológicas necessárias para conter a disseminação da doença em Jataí, por meio de conhecimento técnico e estudos realizados, seguindo todas as recomendações do Ministério da Saúde. Informa ainda que está realizando orientações via telefone com a finalidade de identificar possíveis casos suspeitos, além de informar a comunidade sobre a prevenção e cuidados. (64) 3606-3680/81/82/83.